cavernas espectaculares, top 10 cavernas, cavernas maravilhosas no mundo, grutas espectaculares, top10 grutas, grutas mais bonitas do mundo, cavernas mais bonitas do mundo
África,  América,  Ásia,  Europa,  UNESCO

50 cavernas espectaculares à volta do mundo

Já imaginaste como seria explorar as cavernas mais bonitas do mundo? Aquelas que parecem saídas de um filme de fantasia, com formações rochosas incríveis, lagos subterrâneos, estalactites e estalagmites, pinturas rupestres e até animais exóticos? Porque nem tudo o que reluz é ouro e nem tudo o que vale a pena ver está á superfície, hoje trago-vos 50 maravilhosas cavernas que podemos encontrar à volta do mundo.

São cavernas para todos os gostos e níveis de aventura, desde as mais fáceis de aceder até às mais desafiantes e remotas. Algumas delas são tão impressionantes que nem vais acreditar que existem mesmo. Queres saber quais são? Então continua a ler e prepara-te para ficar de boca aberta com as maravilhas que a natureza esconde debaixo da terra.

As grutas são mais do que apenas “buracos no chão”. São locais utilizados desde o início dos tempos, tanto por Homens como por animais. Foram usadas durante a pré-história como abrigos, cemitérios ou locais religiosos.

As cavernas podem ser encontradas por todo o mundo e podem ser dos mais variados tipos: rochosas, feitas totalmente de gelo ou subaquáticas… Para os menos aventureiros, ou com fobias, muitas das grutas/cavernas mais bonitas foram transformadas em atracções turísticas (para bem e para mal), com luzes, chão de madeira e outras comodidades o que nos permite visitá-las sem grandes esforços ou inconvenientes.

Portanto já sabem: aracnofóbicos, claustrofóbicos e chiropterafóbicos (fobia de morcegos): o melhor é não entrarem nestas grutas e ficarem-se pelas fotos 😉

As cavernas mais bonitas de mundo

1- Niah Cave, Malásia

(autor: viktorsimonic / Licença CC)
(autor: viktorsimonic)

A Caverna Niah na Malásia é uma das maiores grutas de calcário do mundo, com actividade humana desde há 40000 anos atrás. Os arqueólogos acham que os habitantes desta caverna gigante foram os dos primeiros a habitar a zona este da Malásia.

2- Phong Nha Cave – Minh Hoa, Vietname

(autor: mrandmrsbackpacker / Licença CC)
(autor: mrandmrsbackpacker)

Património Mundial da UNESCO juntamente com o Parque Nacional Phong Nha-Ke Bang, está localizada a cerca de 500km a sul de Hanoi. O Parque Nacional foi criado para proteger as 300 grutas e cavernas, o ecossistema e a floresta de pedra calcária de Annamite Range.
Das mais de 300 grutas do parque, apenas 20 foram estudadas por cientistas, num total de 126km.
Da gruta de Phong Nha, os cientistas conhecem 44,5km, mas o turistas apenas podem explorar os primeiros 1500m. É a segunda maior gruta do Vietname.

3- Cave of the Ghost – Cainama National Park, Venezuela

(autor: worldtoptop.com)
(autor: worldtoptop.com)

Conhecida como “La Cueva del Fantasma”, é uma gruta situada no sul da Venezuela, numa das zonas geologicamente mais ricas da Terra. É grande o suficiente para que 2 helicópteros voem lá dentro e aterrem sem problemas perto da enorme cascata.

4- Waitomo Glow Worm Cave, Nova Zelândia

(autor: 2il org)
(autor: 2il org)

Uma das atracções turísticas mais conhecidas da Nova Zelândia, que se deve às larvas luminosas que vivem no tecto da caverna: as Arachnocampa luminosa, do tamanho de um mosquito.
Criam um ninho feito com fibras sedosas e pegajosas (tipo teia de aranha) e penduram-se no final brilhando de forma a atraírem possíveis presas. Quanto mais brilhante estiver a larva, mais fome tem. As larvas que comeram recentemente brilham com menos intensidade. O brilho vem de uma reacção química que acontece na cauda e os insectos são atraídos pela luzinha brilhante, ficando presos nos fios quando se aproximam.

5- Ajanta Caves, Índia

(autor: franxx)
(autor: franxx)

Estas cavernas datam do século II a.C. e os monumentos budistas esculpidos na rocha são consideradas como alguns dos melhores exemplos da arte indiana.

6- Mammoth Cave – Kentucky, EUA

(autor: damiavos)
(autor: damiavos)

Localizada no estado do Kentucky, a Mammoth Cave é o maior sistema de cavernas do mundo com mais de 630km de túneis. Pertence a um sistema chamado Mammoth-Flint Ridge Cave System e faz parte da lista oficial de Património Mundial da UNESCO desde 1981.

7- Deer Cave – Borneo, Malásia

(autor: meno-istorija)
(autor: meno-istorija)

Esta caverna faz parte do Parque nacional de Gunung Mulu e está localizada perto de Miri, Sarawak na zona malásia de Borneu. A caverna é também chamada de ‘Gua Payau’ ou ‘Gua Rusa’ pelos locais, e recebeu o seu nome actual graças aos veados que costumavam pernoitar lá dentro e lamber as rochas salgadas das paredes da gruta.
Foi descoberta pela primeira vez em 1961 e explorada em 1978, quando se descobriu que media 174m de largura e 122m de altura. A entrada mede 146m.

8- Saalfeld Fairy Grottos, Alemanha

(autor: Adam Lederer)
(autor: Adam Lederer)

Embora estas cavernas não tenham sido expostas naturalmente, mas “por culpa” de mineiros que trabalharam na zona, as câmaras de tirar o fôlego continuam lá e devem ser admiradas! Com a desculpa de procurarem as fadas que nela habitam, os visitantes vêm de longe para admirarem a beleza das grutas Saalfeld.

9- Orda Cave, Rússia

viktor-lyagushkin-10

Ordinskaya, ou Orda Cave, é a caverna subaquática mais comprida da Rússia e a única caverna subaquática de gesso do mundo! O seu comprimento é de quase 5km, com águas tão límpidas que os mergulhadores têm uma visibilidade de 45m! Além disso não existem correntes dentro da caverna. No entanto é preciso ter muito cuidado ao mergulhar aqui: a temperatura á superfície é de -20ºC; a cada exploração são encontradas mais passagens e túneis que nos levam para longe da gruta principal e onde nos podemos perder. Além disso, sendo que tudo dentro da caverna é  gesso, qualquer pequeno toque pode fazer com que caiam pedaços de parede/tecto tão grandes como um carro!

10-  Jeita Grotto, Lebanon

(autor: kcakduman)
(autor: kcakduman)

A Jeita Grotto é composta por duas grutas interligadas feitas de calcário cárstico, uma superior e uma inferior,  com um comprimento de cerca de 9km. A gruta superior é a “casa” da maior estalactite do mundo, enquanto a inferior é apenas visitável de barco, pois canaliza um rio subterrâneo. Estas grutas foram habitadas durante os tempos pré-históricos, mas não foram redescobertas até 1836.

11- Son Doong Cave, Vietnam

(autor: hughderr)
(autor: hughderr)

A Son Doong Cave foi descoberta recentemente por um habitante local e é considerada a maior caverna do mundo! Alberga inúmeras maravilhas, incluindo um ecossistema próprio, sistemas meteorológicos, estalactites com mais de 70metros de altura e pérolas das cavernas do tamanho de bolas de basquetet!!!

12- Blue Grotto – Capri, Italy

(autor: sugarains)
(autor: sugarains)

A Gruta Azul, ou Grotto Azzura em italiano, é uma das atracções turísticas mais famosas da ilha de Capri. É uma caverna marítima inundada até meio e que se enche de uma maravilhosa luz azul. Esta luz é causada pelos reflexão dos raios de sol na superfície da água perto da entrada da gruta.
No tempo dos romanos, as lendas diziam que aqui habitavam nereidas, sereias e demónios.
A melhor altura para a visitar é ao início da tarde, quando o sol brilha justamente por cima da entrada da gruta.

13- Eisriesenwelt Ice Caves – Werfern, Austria

(autor: inspiration_point_studio)
(autor: inspiration_point_studio)

Eisriesenwelt significa em alemão “Mundo dos Gigantes de Gelo”. Um nome apropriado para aquela que é considerada a maior caverna de gelo conhecida na actualidade, com cerca de 42km de longitude.
Descoberta em 1879, esta localizada nos Alpes Austríacos perto de Salzburgo. A caverna foi formada através da erosão causada por um rio subterrâneo.
As formações de gelo foram criadas a partir de neve derretida empurrada para dentro da caverna pelo vento. Os ventos gélidos do inverno alpino ajudaram a solidificar a neve dentro da caverna, enquanto que durante o verão, o vento fresco que vem do interior da caverna, ajuda a que o gelo não derreta.

14- Batu Caves, Malaysia

(autor: sidorenko)
(autor: sidorenko)

As Batu Caves na Malásia foi utilizadas desde sempre pela população indígena Temuan, assim como pelos colonos ingleses e chineses. O guano de morcego das cavernas foi extraído para fins agrícolas e neste momento as cavernas estão cheias de estátuas e abertas ao público.

15- Carlsbad Cavern, New Mexico, United States

(autor: bdlind)
(autor: bdlind)

A Carlsbad Caverns é a 7ª maior do mundo. A caverna está cheia de câmaras e características de tirar o fôlego, principalmente as suas estalactites e estalagmites brancas.
Está localizada nas montanhas Guadalupe no Novo México e a cãmara principal, chamada “Big Room” mede 1219 x 190m com 107 metros de altura no seu ponto mais alto.

16- Lascaux Caves – Motignac, France

(autor: Bayes Ahmed)
(autor: Bayes Ahmed)

As grutas de Lascaux são conhecidas mundialmente pelas suas pinturas pré-históricas, que se estima terem 17300 anos, encontradas nos anos 40 por um adolescente. Faz parte da lista de Património Mundial da UNESCO desde 1979.

17- Puerto Princesa Underground River – Palawan, Filipinas

(autor: storm-crypt)

(autor: storm-crypt)

O rio subterrâneo de Puerto Princesa está localizado debaixo de uma montanha coberta de floresta, na zona norte da ilha de Palawan nas Filipinas. É rio subterrâneo navegável mais comprido do mundo, com mais de 8km. Em 2012 foi nomeado uma das 7 Maravilhas Naturais do Mundo.

18- Fantasy Cave – Bermudas

(autor: Craig Stanfill)
(autor: Craig Stanfill)

Descoberta em 1905 por dois rapazes de 12 anos, Carl Gibbons e Edgar Hollis, é uma das cavernas subterrâneas mais famosas das Bermudas. Depósitos minerais de calcite formam o que parecem ser cascatas congeladas no tempo. As águas completamente cristalinas e iluminadas, ajudam a criar ambiente projectando sombras nas paredes que dão mais expressividade às superfícies intrincadas da caverna.

19- Tham Lod Cave, Tailândia

(foto: nationalgeographic.com)
(foto: nationalgeographic.com)

Tham Lot é uma caverna com 1666m, cheia de estalactite, estalagmites e um rio. A caverna é também a casa de um vasto número de morcegos e andorinhões. Para a visitar é obrigatório levar um guia.

20-  Zugarramurdi, País Vasco, Espanha

(autor: Federico)
(autor: Federico)

Sorginen Leizea, ou a Gruta das Bruxas, é uma gruta localizada em Zugarramurdi no País Vasco espanhol onde, dizem as lendas, se reuniam as bruxas.
A câmara principal da gruta foi esculpida por um riacho denominado Regata del Infierno, ou Infernuko Erreka, que a atravessava, formando um grande túnel com 120m de longitude e uma amplitude de 26m.
O nome deste conjunto cárstico é uma menção às celebrações pagãs que tinham lugar em algumas das suas sals durante a antiguidade e que, durante a Inquisição, entre 1609 e 1614 foram apresentadas como prova evidente de que em Zugarramurdi se desenvolviam actos de bruxaria.

21- Ellison’s Cave, Georgia, USA

(foto: caves.org)
(foto: caves.org)

Este enorme “buraco” foi apelidado de Fantastic Pit e é a 12ª caverna mais profunda dos Estados Unidos, com 324 metros. Devido aos obstáculos, apenas os alpinistas mais experientes podem aceitar o desafio e descer.

22- Cave of Crystals (Mexico)

(autor: Paul Williams)
(autor: Paul Williams)

A Caverna dos Cristais, também conhecida como Caverna dos Cristais Gigantes ou Cueva de los Cristales, foi descoberta no ano 2000 por mineiros que trabalhavam na Mina de Naica, no México. Está localizada a 300 metros abaixo da superfície, contém vários dos maiores cristais encontrados no mundo. O maior de todos mede 12m de comprimento, 4m de diâmetro e pesa 55 toneladas. A câmara principal é extremamente quente, chegando aos 58ºC com 99% de humidade.

23-  Cueva De Arpea, Spain

(autor: Gabriel Barrachina)
(autor: Gabriel Barrachina)

Esta caverna foi formada sob as camadas torcidas de rocha no fundo do vale de Aezkoa. Acredita-se que a caverna foi utilizada em tempos antigos como refúgio para pastores. A sua forma única e a paisagem que a rodeia são sem dúvida suficientes para nos fazer querer conhecê-la!

24- Škocjan Caves – Trieste, Slovenia

(autor: sitomon)
(autor: sitomon)

As Škocjan Caves, na Eslovénia, são um sistema protegido de cavernas que atraem milhares de turistas durante todo o ano.
São Património Mundial da UNESCO, uma das cavernas mais importantes do mundo e incluem um rio subterrâneo, a gruta mais alta da Europa, um desfiladeiro subterrâneo, várias cascatas e uma ponte que atravessa o desfiladeiro de um lado ao outro. Os primeiros registos encontrados sobre estas grutas datam do século II a.C.

25- Jiu Xiang Caves, China

(foto: janneyow.wordpress.com)
(foto: janneyow.wordpress.com)

Uma das cavernas mais belas da China, as Jiuxiang Caves atraem numerosos visitantes todos os anos. As luzes multicoloridas ajudam a dar um efeito especial às formações rochosas da gruta!

26- Sandy Glacier Caves, Oregon, EUA

(foto: outdoorproject.com)
(foto: outdoorproject.com)

Uma das maiores cavernas de gelo dos Estados Unidos. Foi formada pelo derreter do interior dos glaciares e as suas câmaras geladas atraem dezenas de exploradores à procura da sua próxima grande aventura. No entanto, devido ao aquecimento global, o glaciar continua a derreter, o que faz com que durante a próxima década a caverna acabe por desaparecer por completo.

27-  Ice Caves, Antártica

(autor: NOAA Photo Library / Creative Commons)
(autor: NOAA Photo Library / Creative Commons)

O Monte Erebus é a zona mais quente da Antártica e a mistura de calor e gelo criou estas maravilhosas cavernas por baixo do solo congelado.

28-  Hoyo Negro, México

(foto: nbcnews.com)
(foto: nbcnews.com)

Uma caverna subaquática que apenas pelo tamanho consegue deixar qualquer um de boca aberta. Mas as descobertas feitas dentro do Hoyo Negro são ainda mais impressionantes: restos de esqueletos de vários animais já extintos e o esqueleto completo de uma rapariga com mais de 12000 anos, o esqueleto mais antigo e completo descoberto nas Américas.

29- Mermaid’s Cave, Irlanda

(foto: dailynewsdig.com)
(foto: dailynewsdig.com)

Localizada por baixo do Castelo de Dunluce, aqui podemos sentir a aura da magia e das tradições irlandesas, que nos farão sair daqui totalmetne espantados.

30-  Chinhoyi Caves, Zimbabué

(foto: thevagabondadventures.com)
(foto: thevagabondadventures.com)

Esta maravilhosa gruta subterrânea atrai exploradores desde a sua descoberta em 1888. Se bem que os mergulhadores já chegaram aos 120m de profundidade, esse não é o fundo da gruta, o que deixa muita coisa para ser descoberta. Quem será o próximo a tentar? Tu? Eu?

31- Blue Cave, Grécia

(autor Marcus Povey / Creative Commons)
(autor Marcus Povey / Creative Commons)

Uma das grutas mais bonitas do mundo, sem sombra de dúvida. É um dos fenómenos naturais mais celebrados e conhecidos de todo o Mediterrâneo. O fenómeno que torna a caverna azul é o mesmo que acontece na Croácia: os raios de sol que se refletem na água junto à entrada da gruta.

32- Majlis al Jinn Cave – Mascate, Omã

(autor: Yousef Tuqan / Creative Commons)
(autor: Yousef Tuqan / Creative Commons)

A caverna Majlis al Jinn é a segunda maior caverna subterrânea do mundo e está localizada numa área remota do Planalto de Selma, em Omã. Majlis al Jinn é comporta por uma única câmara que mede aproximadamente 310m por 225m com uma altura de 120m. Para terem uma ideia do tamanho: dentro da caverna caberiam 12 Boing 747.

33- The Cave of Three Bridges, Líbano

(autor: Bo Stern / Creative Commons)
(autor: Bo Stern / Creative Commons)

Pedra calcária com milhares de anos, uma cascatga que se forma quando a neve se derrete e 3 pontes naturais, fazem com que a Caverna das 3 Pontes seja uma das localizações mais bonitas do mundo.

34-  Reed Flute Cave, China

(autor: Aaron & Carol / Creative Commons)
(autor: Aaron & Carol / Creative Commons)

O nome provém das canas que nascem junto à entrada da gruta e que as pessoas achavam serem perfeitas para a fabricação de flautas.

Iluminada por luzes de várias cores, esta é uma das principais atracções turísticas da cidade de Gullin há 1200 anos. Por aqui podemos encontrar mais de 70 inscrições nas paredes que datam desde 72 a.C até á dinastia Tang.

35- Fingal Cave – Ilha de Staffa, Escócia

(autor: thalamus / Creative Commons)
(autor: thalamus / Creative Commons)

A ilha de Staffa é uma ilha desabitada ao largo da Escócia que esconde no seu interior numerosas cavernas, sendo uma delas a Fingal’s Cave, com 70 de comprimento e totalmente construída por pilares hexagonais de basalto.

36- Jenolan Cave, Austrália

(autor: behindthesteeringwheel / Creative Commons)
(autor: behindthesteeringwheel / Creative Commons)

Situada na Região da Blue Montain, a Jenolan Cave é a gruta mais antiga alguma vez encontrada no mundo. Já foram descobertas mais de 300 entradas, fósseis marinhos e  as suas magníficas formações rochosas continuam a atrair milhares de curiosos todos os anos.

37- Devetashka Cave, Bulgária

(autor: mpjashby / Creative Commons)
(autor: mpjashby / Creative Commons)

A maior caverna da Bulgária. No passado foi a casa de várias populações humanas, mas hoje em dia os seus inquilinos são os morcegos. Mais de 30mil morcegos habitam nesta gruta.

38- Blue Lake Cave, Brasil

(autor: Danielle Pereira / Creative Commons)
(autor: Danielle Pereira / Creative Commons)

A caverna é muito conhecida tanto pelas suas formações rochosas como pelo seu lado. A maravilhosa cor azul do lago faz-nos esquecer de qualquer outra coisa à nossa volta.

39- Cave of the Swallows – Aquismon, Máxico

(foto: rsvlts.com)
(foto: rsvlts.com)

Uma gruta ao ar livre, com uma profundidade de 370m desde o chão da caverna até à zona mais alta da abertura. A segunda gruta mais profunda do México e a 11ª do mundo. O arranha-céus NYC Chrysler Building caberia perfeitamente dentro dela.

40- Mulu Caves, Bornéu, Malásia

(foto: bebiviral.com)
(foto: bebiviral.com)

Localizadas no Parque Nacional Gunung Mulu no Bornéu, são uma das principais atracções da Malásia. Esta gruta é vizinha da Deer Cave!

41- Antelope Canyon, Arizona, EUA

(autor: Moyan Brenn / CC)
(autor: Moyan Brenn / CC)

Escavado durante milhares de anos pelo vento e a água, o que se relfete no aspecto liso e fluído das suas paredes.

42- Hato Cave, Curacao

(autor: Steve Conger / CC)
(autor: Steve Conger / CC)

Formada por calcário coral, esta caverna é um local popular que atrai visitantes de todo o mundo com vontade de a explorar. Pinturas e petroglifos deixados por escravos fugidos há mais de um século ainda podem ser vistos nas paredes.

43-  Dongzhong Cave – Guizhou, China

(foto: tadtoonew.com)
(foto: tadtoonew.com)

Não é uma caverna maravilhosa e cheia de beleza natural, como as outras, mas server um propósito um tanto ou quanto insólito: é uma escola primária!

44- Cenote Ik Kil, México

(autor: Vicente Villamón / CC)
(autor: Vicente Villamón / CC)

Uma caverna sem tecto, com um enorme lago no centro. Faz as delícias dos seus visitantes e é perfeito para um mergulho a meio da tarde.

45- Onondaga Cave – Missouri, EUA

(foto: rsvlts.com)
(foto: rsvlts.com)

Da mais de 5500 cavernas no Missouri, a Onondaga Cave é sem dúvida a mais bonita.

46- Crystal Cave, Islândia

(autor: James West / CC)
(autor: James West / CC)

Formada pelo derreter dos glaciares, a água das chuvas e o calor de uma falha vulcânica. Como a caverna é tão instável, qualquer oscilação ou movimento ecoa por toda a caverna e pode ser ouvido.

47- Sea Cave in Algarve, Portugal

(autor: Daniel Gillaspia / CC)
(autor: Daniel Gillaspia / CC)

Portugal também tem direito a cavernas maravilhosas e esta é uma das mais bonitas. Situada perto da praia de Benagil, no Algarve, esta caverna apenas pode ser visitada de barco.

48- Kyaut Sae Cave, Myanmar

(foto: travel.easyfreshideas.com/)
(foto: travel.easyfreshideas.com/)

Sabe-se muito pouco acerca desta caverna, para além de ter sido transformada num templo budista. Vamos descobri-la?

49- Marble Caves, Patagónia

(autor: Javier Vieras / CC)
(autor: Javier Vieras / CC)

Maravilhosos reflexos das águas azuis podem ser vistos refletidos nas paredes e tectos desta caverna. Também é conhecida como Catedral de Mármore por causa dos seus belos arcos escavados na rocha.

50- Phraya Nakhon Cave, Tailândia

(autor: Parker Seybold / CC)
(autor: Parker Seybold / CC)

Local histórico frequentado pelo rei da Tailândia por causa da iluminação que provém dos tectos colapsados. O pavilhão no centro da gruta foi construído para a visita do rei Chulalongkorn em 1890.

[content_creator]

flecha azul separadora

PROGRAMA A TUA VIAGEM

Reserva os teus voos baratos através do Skyscanner.

Reserva o teu hotel no Booking, com toda a garantia e segurança de uma plataforma mundialmente reconhecida.

Descobre as melhores atividades do teu destino com a Civitatis! Entradas para museus, espetáculos e muito mais.

Chegaste ao aeroporto e procuras um transfer privado para te levar ao hotel ou ao centro da cidade? Aqui estão as melhores opções!

Contrata o teu seguro de viagens com a IATI através dos nossos links e recebe 5% de desconto!

À procura de estacionamento em Portugal, Espanha, França ou Itália? Reserva o teu lugar de estacionamento com antecedência na Parclick!

Faz as tuas reservas através dos links parceiros que te deixo no final de cada artigo. Ao utilizares estes links NÃO PAGAS MAIS e ajudas-me a manter o blog, já que recebo uma pequena comissão por cada venda. Muito obrigada!

Gruta mais profunda do mundo

A gruta mais profunda do mundo é a Caverna do Krubera-Voronya, localizada na Abecásia, uma região separatista da Geórgia. Com uma profundidade de aproximadamente 2.197 metros, essa caverna é um dos lugares mais remotos e inexplorados do planeta.

A Caverna do Krubera-Voronya é conhecida por suas características únicas e desafiadoras. Ela possui um complexo sistema de passagens estreitas, salas gigantescas e formações de estalactites e estalagmites impressionantes.

Explorar essa caverna é um desafio extremo que requer equipamentos especializados e uma equipe experiente. A escuridão total, as temperaturas baixas e os caminhos estreitos são apenas algumas das dificuldades enfrentadas pelos exploradores.

Apesar dos perigos e dificuldades, a Caverna do Krubera-Voronya continua a atrair aventureiros e cientistas em busca de novas descobertas e desafios. Essa gruta é um tesouro escondido em nosso planeta, uma maravilha natural que nos lembra da imensidão e beleza do mundo subterrâneo.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.