O que ver e visitar em Aveiro 1
Portugal,  Europa

O que ver e visitar em Aveiro

Aveiro é uma cidade encantadora, conhecida como a Veneza portuguesa, graças aos seus canais e aos coloridos moliceiros que os percorrem. Mas há muito mais para ver e visitar em Aveiro do que os seus famosos barcos. Neste artigo, vamos mostrar-lhe alguns dos locais para conhecer em Aveiro, desde os seus monumentos históricos, às suas praias, passando pela sua deliciosa gastronomia. Se está a pensar visitar Aveiro, prepare-se para se surpreender com esta cidade cheia de charme e cultura. E não se esqueça de deixar espaço na mala para trazer alguns ovos moles, o doce típico da região. Quer saber mais? Então continue a ler e descubra o que ver em Aveiro.

O que ver e visitar em Aveiro

Aveiro é conhecida como a Veneza portuguesa, devido aos seus canais que atravessam a cidade e que são navegados por embarcações típicas chamadas moliceiros. Estes barcos eram usados antigamente para transportar o moliço, uma planta aquática que servia de fertilizante para os campos agrícolas. Hoje em dia, os moliceiros são uma das principais atrações turísticas de Aveiro, oferecendo passeios que permitem apreciar a beleza da cidade e da ria.

Mas Aveiro não é só canais e moliceiros. A cidade tem também um rico património cultural e arquitetónico, que reflete a sua história e a sua identidade. Aveiro foi fundada no século X, mas ganhou importância no século XV, quando se tornou um importante porto de pesca e de comércio marítimo. No século XVIII, a cidade sofreu um grande revés, quando o seu porto ficou assoreado e isolado do mar. Foi preciso esperar até ao século XIX para que Aveiro recuperasse o seu dinamismo, graças à abertura de um canal artificial que ligou a ria ao oceano.

Nessa época, Aveiro assistiu a um florescimento económico e cultural, que se refletiu na construção de vários edifícios de estilo Arte Nova, que se caracteriza pelas formas curvas, pelos motivos florais e pelos tons pastel. A Arte Nova é um dos traços distintivos de Aveiro, que pode ser admirada em várias fachadas, especialmente na zona do Rossio e do Bairro da Beira-Mar.

Aveiro tem também uma forte ligação à religião, que se manifesta nas suas igrejas e conventos. Um dos mais emblemáticos é o Museu de Aveiro, instalado no antigo Convento de Jesus, onde viveu Santa Joana Princesa, filha do rei Afonso V. O museu alberga um valioso acervo de arte sacra, destacando-se o túmulo de Santa Joana, uma obra-prima do barroco português.

Outro aspeto que torna Aveiro única é a sua gastronomia, baseada nos produtos da ria e do mar. Aqui pode-se saborear pratos como a caldeirada de enguias, o arroz de marisco ou o bacalhau à Zé do Pipo. Mas o ex-líbris da doçaria aveirense são os ovos moles, um doce conventual feito com gemas de ovos e açúcar, envolto numa fina massa semelhante à hóstia. Os ovos moles são vendidos em pequenas barricas de madeira ou em formas de animais marinhos.

O que ver e visitar em Aveiro 2

Como chegar a Aveiro

Aveiro está situada na região Centro de Portugal, a cerca de 75 km do Porto e a 250 km de Lisboa. A cidade é facilmente acessível por vários meios de transporte:

  • De carro: Aveiro está ligada às principais autoestradas do país, como a A1 (Lisboa-Porto), a A25 (Vilar Formoso-Aveiro) e a A17 (Marinha Grande-Aveiro). Há vários parques de estacionamento na cidade, alguns gratuitos e outros pagos.
  • De comboio: Aveiro tem uma estação ferroviária na linha do Norte, que liga Lisboa ao Porto. Há comboios regulares entre as duas cidades, com paragem em Aveiro. A viagem demora cerca de 2 horas desde Lisboa e 1 hora desde o Porto. A estação fica próxima do centro da cidade, podendo-se ir a pé ou de autocarro para os principais pontos de interesse.
  • De autocarro: Aveiro tem também uma rede de autocarros que ligam a cidade a vários destinos nacionais e internacionais. A estação rodoviária fica junto à estação ferroviária, facilitando a mobilidade dos viajantes.
  • De avião: O aeroporto mais próximo de Aveiro é o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, a cerca de 90 km de distância. Há voos regulares para o Porto desde várias cidades europeias e também do Brasil. Do aeroporto, pode-se apanhar um metro até à estação de Campanhã e depois um comboio até Aveiro. Outra opção é alugar um carro no aeroporto e seguir pela A1 até Aveiro.

O que ver e visitar em Aveiro 3

Onde ficar em Aveiro

Aveiro tem uma boa oferta de alojamento para todos os gostos e bolsas, desde hotéis de charme a hostels económicos, passando por apartamentos e casas de férias. A maioria dos alojamentos estão localizados no centro da cidade, perto dos canais e das principais atrações. Aqui ficam algumas sugestões de onde ficar em Aveiro:

  • Hotel Moliceiro: Um hotel de quatro estrelas situado no canal central, com vista para os moliceiros e para o jardim do Rossio. O hotel tem quartos elegantes e confortáveis, decorados com temas diferentes, como o cinema, a música ou a literatura. O hotel oferece ainda um pequeno-almoço variado e um serviço de chá à tarde.
  • Aveiro City Lodge: Um alojamento local que ocupa um edifício histórico no coração da cidade, a poucos passos da Praça do Peixe e do Mercado Manuel Firmino. O alojamento tem quartos duplos, triplos e quádruplos, todos com casa de banho privativa, ar condicionado e televisão. Há também uma cozinha partilhada e um terraço com jacuzzi.
  • Aveiro Rossio Hostel: Um hostel moderno e acolhedor, localizado na zona do Rossio, junto ao canal central. O hostel tem dormitórios mistos e femininos, com beliches confortáveis e cacifos individuais. Há também uma sala comum com sofás, televisão e jogos, uma cozinha equipada e um pequeno-almoço incluído.
  • Casa do Mercado: Um apartamento espaçoso e luminoso, situado no Bairro da Beira-Mar, em frente ao Mercado do Peixe. O apartamento tem dois quartos, um com cama de casal e outro com duas camas individuais, uma sala com sofá-cama, uma cozinha completa e uma casa de banho. O apartamento tem ainda uma varanda com vista para o canal.

O que ver e visitar em Aveiro 4

Roteiro de 2 dias em Aveiro

Aveiro é uma cidade que se pode visitar em qualquer altura do ano, mas é especialmente bonita na primavera e no verão, quando o sol realça as suas cores e o seu brilho. Para aproveitar ao máximo a sua estadia em Aveiro, sugerimos-lhe um roteiro de 2 dias pela cidade, que inclui os seus principais pontos de interesse. Pode adaptar este roteiro ao seu ritmo e às suas preferências, mas não deixe de visitar pelo menos estes 10 lugares:

Dia 1

  • Comece o seu dia com um passeio de moliceiro pelos canais da ria. Pode embarcar num dos vários cais existentes na cidade, como o do Rossio ou o da Fonte Nova. O passeio dura cerca de 45 minutos e custa 10 euros por pessoa. Durante o percurso, poderá admirar as paisagens da ria e da cidade, bem como as pinturas humorísticas que decoram os moliceiros.
  • Depois do passeio, explore o Bairro da Beira-Mar, um dos mais antigos e típicos da cidade. Aqui poderá ver as casas tradicionais dos pescadores, com as suas fachadas coloridas e os seus azulejos decorativos. Poderá também visitar o Mercado do Peixe, um edifício do século XIX onde se vendem peixes frescos da ria e do mar. Aproveite para provar uma das especialidades locais: as enguias fritas ou guisadas.
  • Continue o seu roteiro pela Arte Nova, um estilo artístico que se caracteriza pelas formas curvas, pelos motivos florais e pelos tons pastel. A Arte Nova é um dos traços distintivos de Aveiro, que pode ser admirada em várias fachadas, especialmente na zona do Rossio e do Bairro da Beira-Mar.
  • Para conhecer melhor este movimento artístico, pode visitar o Museu Arte Nova, situado num dos edifícios mais emblemáticos desta corrente, na Rua Barbosa Magalhães. O museu é o centro interpretativo da rede de motivos Arte Nova espalhados pela cidade, e pretende levar o visitante a refletir sobre os pressupostos da revolução estética que este movimento proporcionou. O museu tem também uma casa de chá, onde pode saborear um chá acompanhado de um doce típico.
  • Se preferir, pode também fazer uma visita guiada pela Rota da Arte Nova, um percurso concebido para o ajudar a identificar todos os edifícios e monumentos que ostentam as marcas da Arte Nova. Alguns dos exemplos mais notáveis são a Casa do Major Pessoa, que alberga o Museu de Arte Nova; o Edifício do Rossio, com as suas varandas e janelas recortadas; o Edifício da Casa dos Ovos Moles, com os seus painéis de azulejo policromático; o Museu da Cidade, com a sua fachada exuberante; e o Edifício da Cooperativa Agrícola, com os seus elementos vegetalistas.
  • Depois de apreciar a beleza da Arte Nova, pode dirigir-se ao Museu de Aveiro, instalado no antigo Convento de Jesus, onde viveu Santa Joana Princesa, filha do rei Afonso V. O museu alberga um valioso acervo de arte sacra, destacando-se o túmulo de Santa Joana, uma obra-prima do barroco português. O museu apresenta também um circuito monumental, que inclui o coro baixo, a igreja, o claustro e o refeitório do convento.
  • Para terminar o seu primeiro dia em Aveiro, nada melhor do que provar os famosos ovos moles, um doce conventual feito com gemas de ovos e açúcar, envolto numa fina massa semelhante à hóstia. Os ovos moles são vendidos em pequenas barricas de madeira ou em formas de animais marinhos. Pode encontrar este doce em várias confeitarias da cidade, mas uma das mais antigas e tradicionais é a Confeitaria Peixinho, fundada em 1856. Se quiser aprender a fazer os ovos moles em casa, pode seguir esta receita.

O que ver e visitar em Aveiro 5

Dia 2

No segundo dia em Aveiro, pode explorar outras facetas da cidade, como a sua ligação ao mar e à natureza. Aveiro tem uma costa atlântica com praias extensas e areais dourados, onde pode desfrutar do sol e do mar. Aveiro tem também uma reserva natural que abrange parte da ria e que alberga uma grande diversidade de fauna e flora.

  • Comece o seu dia com uma visita à Reserva Natural das Dunas de São Jacinto, uma área protegida que se estende por cerca de 960 hectares entre a ria e o mar. Aqui poderá observar várias espécies de aves aquáticas, como garças, flamingos ou colhereiros. Poderá também percorrer os trilhos pedestres que atravessam as dunas e os pinhais, respirando o ar puro e admirando a paisagem.
  • Para chegar à reserva natural, pode apanhar um ferry que parte do cais da Fonte Nova e atravessa a ria até São Jacinto. O ferry funciona todos os dias entre as 8h00 e as 20h00 e custa 1 euro por pessoa. A viagem demora cerca de 15 minutos e oferece uma vista panorâmica sobre a ria e a cidade.
  • Depois de visitar a reserva natural, pode aproveitar para conhecer as praias de Aveiro, que se estendem por cerca de 47 km ao longo da costa. Há praias para todos os gostos, desde as mais urbanas e animadas até às mais tranquilas e selvagens. Algumas das praias mais populares são a Praia da Barra, onde se encontra o Farol de Aveiro, o mais alto de Portugal; a Praia da Costa Nova, onde se destacam as casas às riscas coloridas; e a Praia de São Jacinto, onde se respira a tranquilidade da natureza.
  • Se gosta de desportos náuticos, Aveiro é o lugar ideal para praticar surf, kitesurf, windsurf ou stand up paddle. Há várias escolas e empresas que oferecem aulas e aluguer de equipamento para todos os níveis. Pode também optar por fazer um passeio de kayak ou de bicicleta pela ria, explorando os seus recantos e ilhas.
  • Para terminar o seu segundo dia em Aveiro, pode regressar à cidade e desfrutar da sua vida noturna. Aveiro tem uma oferta variada de bares, restaurantes e espetáculos, que animam as suas ruas e praças. Pode começar por jantar num dos vários restaurantes que servem a gastronomia local, como o O Telheiro, o Mercado do Peixe ou o Salpoente. Depois, pode seguir para um dos bares que animam a zona do Rossio e do Bairro da Beira-Mar, como o Cais Madeirense, o Mercado Negro ou o Estação da Luz. Se preferir algo mais cultural, pode assistir a um espetáculo no Teatro Aveirense, no Centro Cultural e de Congressos ou na Casa da Cultura.

O que ver e visitar em Aveiro 6

Qual é a melhor altura do ano para visitar Aveiro?

Aveiro é uma cidade que pode ser visitada em qualquer altura do ano, mas há algumas épocas que podem ser mais vantajosas do que outras, dependendo dos seus interesses e preferências. Aqui ficam algumas dicas para escolher a melhor altura do ano para visitar Aveiro:

  • Se gosta de sol e calor, e quer aproveitar as praias da costa de Aveiro, os meses de maio a setembro são os mais indicados. Nesta época, as temperaturas são mais elevadas e há menos probabilidade de chuva. No entanto, também é a época mais turística e mais cara, pelo que pode encontrar mais multidões e filas nas principais atrações da cidade.
  • Se prefere evitar as multidões e poupar algum dinheiro, os meses de novembro a fevereiro podem ser uma boa opção. Nesta época, a cidade está mais tranquila e os preços são mais baixos. No entanto, também é a época mais fria e chuvosa, pelo que pode ter de levar roupa adequada e um guarda-chuva. Além disso, alguns serviços e atividades podem estar encerrados ou ter horários reduzidos.
  • Se procura um equilíbrio entre o clima e o movimento, os meses de março, abril, outubro e novembro podem ser ideais. Nesta época, as temperaturas são amenas e há menos chuva do que no inverno. Também há menos turistas do que no verão, mas ainda assim há animação e eventos na cidade. Pode ser uma boa altura para apreciar as cores da primavera ou do outono na ria e nas dunas.

Em resumo, não há uma resposta definitiva para a melhor altura do ano para visitar Aveiro, pois depende muito do que cada um procura numa viagem. O importante é planear com antecedência e informar-se sobre as condições meteorológicas e as ofertas culturais da cidade.

 

O que visitar em Aveiro: conclusão

Aveiro é uma cidade que surpreende pela sua beleza e diversidade. Aqui pode encontrar canais e moliceiros, Arte Nova e conventos, ovos moles e enguias, praias e dunas, cultura e diversão. Aveiro é uma cidade que vale a pena visitar, seja por um fim de semana ou por mais tempo. Espero que tenha gostado deste artigo sobre o que ver e visitar em Aveiro e que tenha ficado com vontade de conhecer esta cidade encantadora. Se tiver alguma dúvida ou sugestão, deixe um comentário abaixo. Até à próxima viagem!

flecha azul separadora

PROGRAMA A TUA VIAGEM

Reserva os teus voos baratos através do Skyscanner.

Reserva o teu hotel no Booking, com toda a garantia e segurança de uma plataforma mundialmente reconhecida.

Descobre as melhores atividades do teu destino com a Civitatis! Entradas para museus, espetáculos e muito mais.

Chegaste ao aeroporto e procuras um transfer privado para te levar ao hotel ou ao centro da cidade? Aqui estão as melhores opções!

Contrata o teu seguro de viagens com a IATI através dos nossos links e recebe 5% de desconto!

À procura de estacionamento em Portugal, Espanha, França ou Itália? Reserva o teu lugar de estacionamento com antecedência na Parclick!

Faz as tuas reservas através dos links parceiros que te deixo no final de cada artigo. Ao utilizares estes links NÃO PAGAS MAIS e ajudas-me a manter o blog, já que recebo uma pequena comissão por cada venda. Muito obrigada!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.